Cinco etapas para desfrutar de seu trabalho e fazer milhões

by Get Rich Slowly

Você já ouviu milhões de vezes: "gaste menos do que você ganha". É um bom conselho. Um dos meus favoritos, na verdade. Mas isso é traduzido por muitos como simplesmente "controlar seus gastos".

Embora isso seja certamente parte da equação, há um complemento igualmente importante relacionado ao ganho. Eu afirmo que é mais fácil gastar menos do que você ganha quando você ganha mais. Também é mais fácil alcançar seus objetivos financeiros.

Além disso, também apresentarei que a melhor maneira de ganhar mais para a maioria das pessoas é aumentar suas carreiras.


Se você dedicar um pouco de tempo e esforço para melhorar sua carreira, acabará fazendo milhões a mais (literalmente), atingindo suas metas financeiras mais cedo e (muito provavelmente) aproveitando mais sua carreira.  Se eu fosse capaz de lhe dar algumas dicas simples e fáceis de implementar para ajudá-lo a conseguir isso, você estaria interessado?

Crescimento da carreira


Eu sei, eu posso ouvir a reclamação. Por uma infinidade de razões, muitas pessoas não gostam de conselhos sobre o crescimento de suas carreiras. É provavelmente porque muitos odeiam seus empregos. Eu sei. Eu já estive na mesma situação.

Mas também entendo que existe um paradoxo entre odiar uma carreira e alcançar seus objetivos financeiros. Se você odeia tanto o seu trabalho que não quer se concentrar um segundo a mais nele, na verdade vai prolongar o tempo que precisa para trabalhar - a mesma coisa que você odeia tanto!

Em vez disso, se você dedicar um pouco de tempo e esforço para melhorar sua carreira, acabará fazendo milhões a mais (literalmente), atingindo suas metas financeiras mais cedo e (muito provavelmente) aproveitando mais sua carreira.

Se eu fosse capaz de lhe dar algumas dicas simples e fáceis de implementar para ajudá-lo a conseguir isso, você estaria interessado?

Como posso estar tão certo?


Antes de chegarmos às dicas, vamos nos dirigir ao elefante na sala: como você pode ter certeza de que o Bozo que está escrevendo este artigo pode realmente lhe ajudar?

Com toda honestidade, você não pode. Mas tenho algumas conquistas que podem lhe dar alguma confiança:


  • Experiência pessoal. Consegui aumentar minha renda em 8,16% ao ano durante toda a minha carreira. Obviamente, as pessoas fizeram muito melhor do que isso, mas 8% não é muito ruim em quase 30 anos. Se você não acredita no enorme impacto que isso pode causar, escolha um salário inicial e aumente em 8% a cada ano por 28 anos.
  • Experiência corporativa. Além de administrar minha própria carreira, vi inúmeros colegas e subordinados gerenciando (ou principalmente não gerenciando) as deles. Acabei me tornando o presidente de uma empresa de US $ 100 milhões, supervisionando as carreiras de centenas de pessoas. Então, ao longo do caminho, aprendi um pouco sobre como desenvolver sua carreira, como progredir e como as empresas enxergam os funcionários.
  • Educação. Existem milhares de livros escritos sobre gerenciamento de carreira e milhões de páginas da web. Eu li muitos deles e tentei várias técnicas. Eu vou dizer que a maioria deles é praticamente inútil, mas há algumas pepitas de sabedoria que eu apliquei e aprendi.
  • Milionários fazem isso. Eu entrevistei mais de 100 milionários (e mais a caminho). Quase todos eles desenvolveram uma renda alta aplicando as habilidades abaixo que foram responsáveis ​​por grande parte de seu sucesso.

A boa notícia é que você pode fazer melhor do que eu. Demorei décadas para encontrar as dicas que vou compartilhar. A maioria deles foi descoberta na escola por tentativa e erro. Você pode eliminar a dor do fracasso e acertar em fazer o que conta.

Você também pode pular as milhares de dicas que você pode ver aqui e ali. Basta aplicar os cinco passos abaixo e obterá a maior parte do impacto por uma fração do trabalho.

Com isso dito, aqui estão as cinco dicas que você pode usar em 2019 para crescer sua carreira…

1. Seja proativo


Você pode pensar que isso não seja uma dica, mas na verdade é um começo muito importante. A proatividade é necessária para o sucesso na carreira. Existem três tipos de trabalhadores no mundo:


  • Os "que vão com o fluxo". Essas pessoas fazem seus trabalhos e cuidam de seus próprios negócios. Eles tomam o que quer que aconteça no caminho certo - o bom e o ruim. Essas pessoas podem ser ótimas, é claro, mas suas carreiras não estão indo a lugar algum com uma atitude “o que será será”. Os funcionários vão-com-o-fluxo recebem aumentos e promoções com fluxo. E deixe-me dizer-lhe, não são altos. Mesmo que essas pessoas sejam de alto desempenho, muitas empresas vão tirar proveito delas com baixos aumentos até que digam algo - o que não acontecerão porque estão indo com o fluxo!
  • Os “trabalhadores esforçados”.Essas pessoas simplesmente “trabalham duro e deixam seus esforços falarem por si mesmos”. Essa estratégia tem a possibilidade de resultar em um bom resultado, pois às vezes as empresas reconhecem um bom desempenho. Mas é imprevisível por duas razões: 1) Muitas vezes essas pessoas trabalham duro em coisas pelas quais a empresa não as recompensará. Claro, eles estão se esforçando, mas é mal direcionado e a empresa não poderia se importar menos. 2) As empresas geralmente querem pagar as pessoas o mínimo possível. Então, mesmo pessoas que trabalham duro e realizam muitas vezes recebem aumentos básicos. Por que pagar mais se continuarem trabalhando duro, não importa o quê? Este plano de ação simplesmente deixa muito ao acaso. Minha experiência é que talvez 1 em cada 10 trabalhadores que tentam “trabalhar duro” alcancem mesmo um nível decente de sucesso e apenas 1 em cada 100 tenham um impacto significativo em suas carreiras.
  • Aqueles que são proativos. Essas pessoas são notadas. Eles conseguem direção. Eles fazem com que as coisas aconteçam que a empresa quer que aconteçam, gerenciam o processo e, como resultado, são mais bem pagos e promovidos. É por isso que ser proativo é um primeiro passo vital para quem quer ganhar mais.

Então, o que significa ser proativo?

Primeiro, é uma mentalidade. Você precisa perceber que ninguém se importa mais com sua carreira (e seu impacto financeiro) do que você. Então você precisa fazer algo se quiser que algo bom aconteça. Ninguém mais vai fazer isso por você.

Em segundo lugar, depois de ter a mentalidade, você precisa agir. Que ação você deve tomar nos leva aos próximos passos da nossa lista ...

2. Tenha a discussão das “expectativas” e documente-a.


Vamos dizer que você contrata um cara para cortar a grama. Ele cobra US $ 30 pelo serviço. Você tem expectativas para ele. Você certamente espera que ele corte a grama. Você também pode esperar que ele compre ou limpe a sujeira.

Se ele faz essas coisas, você se sente bem dando-lhe $ 30. Você esperava que ele fizesse certas coisas, ele as fez. Você esperava pagar 30 dólares e você pagou. Todas as expectativas são atendidas e o pagamento é dado. Todos estão satisfeitos.

Agora vamos dizer que em vez de apenas cortar a grama e limpar a sujeira, ele faz ainda mais. Ele vai além. Digamos que ele também apare seus arbustos, fertilize o gramado e tire ervas daninhas.

Neste caso, você ama o que ele fez desde que ele fez mais do que você esperava. Você está feliz em pagar-lhe $ 30. De fato, se ele quisesse mais (isto é, aumentaria suas taxas em uma data posterior), provavelmente você pagaria porque ele fez muito mais do que o esperado, então você estaria disposto a pagar pelo menos mais.

Por outro lado, digamos que o cara não fez o que você esperava. Ele cortou a grama, mas deixou uma bagunça com a sujeira e nem sequer aparou as arestas do gramado. Talvez ele tenha feito outras tarefas que ele acharia que você apreciaria, mas não - como reorganizar as decorações do seu quintal de família gnomo.

Nesse caso, você acha que seus US $ 30 foram desperdiçados, pelo menos em parte. Ele não atendeu às suas expectativas (nem chegou perto). Você vai contratá-lo novamente? Talvez, se você precisar. Mas você certamente não vai pagar mais. Na verdade, você pode pedir um desconto na próxima vez.

As mesmas expectativas de desempenho que você tem para o jardineiro (e a forma como o avaliou) são o mesmo tipo de relacionamento que sua empresa tem com você.

Eles contrataram você em uma determinada taxa de pagamento e esperam que você faça certas coisas para esse pagamento. Se você fizer mais, eles estarão abertos a lhe pagar mais. Se você faz menos ou as coisas erradas, eles certamente não querem pagar nenhum extra. Eles podem até te demitir.

Isso então levanta a questão: o que a empresa espera de você?

Esse é apenas o problema - a maioria das pessoas não sabe. Eles têm uma ideia vaga na melhor das hipóteses.

Claro, a empresa pode ter uma descrição de trabalho que algumas pessoas de RH elaboraram cinco anos atrás, mas elas geralmente são tão fracas que você não pode determinar nada tangível a partir delas.

Então, como as pessoas costumam reagir a essa situação? Eles adivinham. Eles fazem suposições sobre o que a empresa quer, como mede o sucesso e assim por diante.

E muitas vezes eles acham incorretamente. Eles podem fazer algumas coisas certas, mas as chances de obter o escopo completo do que a empresa espera de você (assim como o nível de expectativa) simplesmente adivinhando são praticamente impossíveis.

Então, o que os funcionários devem fazer? É simples: eles devem perguntar ao chefe o que ele espera.

Eu não vou passar pelo processo passo-a-passo de como desde que eu já forneci os detalhes, mas aqui estão os destaques:

  • Marque uma reunião para conversar com seu chefe. Durante uma revisão anual é um ótimo momento.
  • Diga a ele que você gostaria de obter detalhes sobre o que ela espera que você realize.
  • Diga a ele o motivo pelo qual você quer saber que é 1) você quer estar trabalhando no que ele considera mais importante e 2) você quer ter certeza de que está entregando os resultados que ele quer.
  • Em seguida, tenha uma conversa e faça uma lista. Faça com que ele seja o mais específico possível e quantifique onde for possível. "Aumentar as vendas" é inútil, já que você não sabe a meta real. "Aumentar as vendas em 5% sobre o ano passado" é específico e algo que você pode usar.
  • Anote os detalhes enquanto os discute e concorda com as expectativas. Para notar, esta é uma discussão de ida e volta e sua entrada deve ser parte do processo. Por exemplo, se seu chefe disser que espera que você “aumente as vendas em 50%” e isso não seja razoável, você precisa gerenciar a conversa e concordar com uma meta atingível (mesmo que desafiadora).
  • Diga a ele que você gravará essas informações em um e-mail e enviará a revisão a ele apenas para ter certeza de que você as acertou.
  • Anote-os mais tarde e envie ao seu chefe para aprovação. Ajuste conforme necessário até obter o ok.

Antes de eu ir mais longe, deixe-me dizer que seu chefe vai adorar você por fazer isso. Ele provavelmente vai se surpreender com a sua vontade de perguntar e ouvi-lo. Ele também ficará impressionado que você queira saber o que a empresa quer para poder entregá-lo. Eu sei que o punhado de vezes que alguém fez isso comigo, fiquei muito feliz de trabalhar com eles e seguir mais tarde.

Após a conversa, você sabe exatamente o que é esperado de você. Você também tem isso por escrito. Não há espaço para erro ou mal-entendido neste momento.

Em seguida, é hora de fazer as coisas acontecerem ...

3. Superar-se e receber mais dinheiro


Agora que você sabe o que é esperado, é para isso que você se esforça? Não. Você se esforça para mais!

Por quê? Porque a empresa já está lhe pagando para fazer as tarefas esperadas! Se você quer ser pago mais, você tem que fazer mais.

Volte para o jardineiro. Você estaria disposto a pagar US $ 50 se ele fizesse o que esperava? Claro que não! Você estava disposto a pagar mais somente se ele fizesse mais.

Aqueles que fazem exatamente o que é esperado recebem aumentos básicos e têm sorte de conseguir isso. Eles já estão sendo pagos para fazer seu trabalho, então por que pagar mais por isso?

Mas para você, o gerente de carreira proativo, é hora de começar a trabalhar. Você precisa entregar mais do que suas expectativas. Como você entrega o excesso? Aqui estão alguns exemplos:

  • Se o seu objetivo é "aumentar as vendas em 5% em relação ao ano passado", trabalhe para aumentá-las em 8%.
  • Se o seu objetivo é "cortar custos em US $ 100 mil este ano", corte-os em US $ 125 mil.
  • Se o seu objetivo é “inscrever 50 novos clientes”, inscreva-se 75.

Você entendeu a ideia. Basta fazer mais do que o que você e seu chefe concordaram que era esperado.

Ao atingir esses objetivos, não assuma que seu chefe está sempre ciente de que seu desempenho é excelente. Ele é uma pessoa ocupada também e tem seus próprios objetivos para realizar, então ele pode não estar seguindo seus sucessos tão de perto. É por isso que você precisa lembrá-lo regularmente.

Existem várias maneiras de fazer isso: como parte de relatórios regulares, em reuniões individuais, em reuniões de equipe e assim por diante. Eu costumava fazer uma atualização semanal via e-mail que listava minhas expectativas (as que nós concordamos) e o que eu estava fazendo para atingi-las. Eu incluí números / dados, então ficou claro que eu estava fazendo mais do que o esperado. Eu sabia disso e meu chefe sabia disso.

Dessa forma, você estará na mesma página - você sempre o lembrará do que é esperado e de como você está realizando mais do que isso.

Uma vez que você entregar mais (o que geralmente leva vários meses ou um ano), é hora de agendar uma reunião, mostrar que você realizou mais do que o esperado (isso não deve ser novidade para ele), deixá-lo saber que você pode fazer ainda mais, e pedir um aumento.

Se você merece um aumento ou não, não deve ser a discussão agora. As únicas questões que restam devem ser quanto você receberá e quando receberá. Pedir mais durante um tempo oportuno como o processo de planejamento orçamentário anual funciona melhor, pois ele pode ser preparado para os números desde o início. Aumentos de meio de ano não são desconhecidos, mas muitas vezes podem ser mais difíceis de fornecer, pois os orçamentos geralmente não são flexíveis.

Uma vez que você tenha o aumento, é hora de recomeçar o processo com expectativas novas e mais altas.

4. Seja amigável


Aqui está um flash de notícias: ninguém sai na frente sozinho. Você precisa de pessoas para ajudá-lo - aqueles acima de você, abaixo de você e no seu nível. E o fato é que as pessoas ajudam os outros que elas gostam. A propósito, as pessoas dão aumentos para aqueles que eles gostam também.

Alguns estudos sugerem que ser apreciado no trabalho tem mais impacto em ser bem sucedido (e ganhar mais) do que o desempenho real do trabalho. A escritora de carreira Penelope Trunk aborda esta questão da seguinte forma:

"As pessoas prefeririam trabalhar com alguém que fosse incompetente e agradável do que competente e desagradável. A maioria das pessoas concordam quando leem isso. São as pessoas desagradáveis ​​que formam argumentos em sua cabeça.

Mas tem mais. No trabalho, se você é desagradável, as pessoas começam a pensar que você é menos competente. Então pare de pensar que você pode andar de skate no seu QI genial porque você não pode. Você precisa de inteligência emocional também. Essa situação é tão pronunciada que existem salas de aula de educação especial repletas de crianças que sabiam ler quando tinham três anos. Habilidades sociais são tão importantes quanto a inteligência quando se trata de sucesso a longo prazo, mesmo para os gênios."

A verdade é que tanto o desempenho (excesso de entrega) quanto a simpatia são importantes. Você não quer escolher entre os dois - você quer ser tanto um grande empreendedor quanto uma pessoa que goste. Então, como você pode ser mais amável?

Não há uma ciência clara sobre como fazer pessoas como você, mas aqui está um guia simples que vi funcionar para a maioria das pessoas na maioria dos casos:

Trate as pessoas como elas querem ser tratadas

Se você fizer isso e colocar os outros antes de si mesmo - se você for bom, prestativo, atencioso e simplesmente uma pessoa agradável por perto - as pessoas vão gostar de você e sua carreira se beneficiará como resultado.

Eu também sugiro ler alguns livros:

  • Como Ganhar Amigos e Influenciar as Pessoas é cheio de sabedoria testada e comprovada sobre como se tornar mais amável e se beneficiar como resultado.
  • Os 7 Hábitos das Pessoas Altamente Eficazes falam sobre a conta bancária emocional. Certifique-se de fazer mais depósitos do que saques.

Para os introvertidos, não se preocupe. Você não precisa ter a vida em festa ou uma borboleta social para fazer isso funcionar. Você não precisa ser Mary Poppins ou um bom menino de costas. Basta ser simpático e atencioso. Ele irá percorrer um longo caminho para torná-lo simpático.

5. Trabalhe no desenvolvimento de seus talentos.


É um fato da vida que ter certas habilidades pode aumentar significativamente sua capacidade de ganho. Também é um fato que você provavelmente não será classe mundial em nenhum deles. Por definição, apenas uma pequena minoria pode ser de classe mundial em qualquer coisa.

Mas você pode desenvolver um alto nível de competência com uma combinação única de habilidades valiosas. Esta coleção de habilidades torna você único e valioso.

Por exemplo, você provavelmente não será o melhor vendedor do mundo. Ou o melhor negociador. Ou o melhor orador público. Ou o melhor analista.

Mas você pode se tornar um executivo com habilidades sólidas em vendas, negociação, falar em público e análise. A maioria das pessoas não tem qualquer a maioria deste conjunto de habilidades e, portanto, tê-lo é muito valioso.

O criador de Dilbert, Scott Adams, chama isso de “pilha de talentos” e o define da seguinte forma:

"É a ideia de que você pode combinar habilidades normais até ter o tipo certo para ser extraordinário.

Compreender como funciona uma pilha de talentos é importante. Normalmente, as pessoas pensam que o sucesso vem do desenvolvimento de talentos em uma habilidade. Isso funciona bem em alguns campos. Na medicina, a progressão natural é escolher uma especialidade. Nos esportes, você treina para se tornar o melhor em seu campo, como Tiger Woods (golfe) e Michael Jordan (basquete). Ao atuar, você desenvolve as melhores habilidades de atuação, como Robert De Niro e Morgan Freeman.

Mas além de se tornar de classe mundial em uma habilidade, o talento pode vir de ter uma pilha única de habilidades que ninguém mais tem. Você pode utilizar diferentes habilidades para criar valor de uma maneira que ninguém mais pode, tornando-se assim o melhor jogador em sua própria liga".

Este conceito é certamente verdade. Eu vi isso acontecer de novo e de novo em minha carreira e nas carreiras de inúmeros outros.

Então você precisa trabalhar no desenvolvimento de sua pilha de talentos. Como você faz isso? Como você se torna proficiente em habilidades específicas?

Você precisa se educar e trabalhar nas habilidades necessárias . Aqui estão algumas idéias:

  • Ter aulas. Você pode pagar cursos universitários úteis ou muitas empresas cobrirão esses custos.
  • Seminários / workshops. Novamente por conta própria ou paga pela empresa. Minhas empresas me enviaram para aulas de gerenciamento de tempo, vendas e palestras públicas - por conta própria e durante as horas de trabalho. Essas habilidades me beneficiaram ao longo da minha carreira e no meu particular também.
  • Ler. Os livros são ótimos (e gratuitos na biblioteca). Minha preferência é encontrar fontes confiáveis ​​online e aprender com elas.
  • Ouço. Os audiolivros podem ser conferidos na biblioteca e os podcasts são gratuitos. Ambos podem ser ouvidos durante períodos de inatividade, como dirigir de ida e volta do trabalho.
  • Voluntariado. Organizações de caridade muitas vezes permitem que você assuma projetos para os quais sua empresa pode pensar que você não está preparado. Estes podem servir como ótimas experiências de aprendizado.
  • Equipes multifuncionais. Seja voluntário no trabalho para fazer parte de uma equipe que inclui várias disciplinas diferentes. Você pode aprender tudo sobre marketing, vendas, finanças, operações e muito mais.
  • Assumir um projeto especial. Peça ao seu chefe uma tarefa única. Eu fiz isso algumas vezes na minha vida e aprendi uma tonelada de cada vez.

Seja proativo no desenvolvimento de sua pilha de talentos (concentre-se nas habilidades que mais se relacionam com salários mais altos). Quando você fizer isso, você se tornará mais valioso porque poderá fazer e realizar mais. E como vimos, aqueles que fazem mais do que o esperado recebem mais.

Parece muito trabalho


Agora você pode estar pensando que esses cinco passos “simples” parecem muito trabalhosos - talvez mais do que você está disposto a colocar. Em caso afirmativo, gostaria que você considerasse o seguinte antes de descartá-los:

  • Para realizar qualquer coisa significativa, você terá que fazer algum esforço. Se você não está disposto a fazê-lo, provavelmente será limitado em várias áreas de sua vida.
  • Grande parte do trabalho acima pode ser feito durante o trabalho, não exigindo nenhum compromisso de tempo adicional de sua parte.
  • Parte do trabalho (como se educar com podcasts e audiolivros) pode ser feito enquanto se faz outra coisa - dirigir, exercitar, cortar a grama, etc. Novamente, não há compromisso de tempo adicional de sua parte.
  • Os resultados monetários podem ser surpreendentes. Como mencionado acima, a matemática mostra claramente que você pode aumentar muito seu salário ao longo de sua vida útil gerenciando proativamente sua carreira.
  • Os resultados do tempo podem ser surpreendentes. Ganhar mais significa que você pode economizar mais, o que leva a uma independência financeira mais rápida. Combine uma forte renda / taxa de poupança com até mesmo uma modesta confusão lateral e você pode se aposentar em dez anos - pelo menos uma década ou duas antes de você poder de outra forma.
  • Quanto a qualquer custo, investir em sua carreira oferece um dos melhores retornos disponíveis em qualquer lugar. Quem não investiria alguns milhares por retornos de centenas de milhares?

É claro que, mesmo com essa evidência convincente, alguns encontrarão desculpas por que não podem (ou não devem) agir. Não há muito que eu possa fazer sobre eles, pois eles provavelmente não agem, não importa quão grande seja a oportunidade.

Mas para o resto de vocês, não deixem que alguns pequenos desafios o dissuadem. O tempo e o esforço são mínimos, especialmente quando comparados com a recompensa.

A parede de tijolo


Vale a pena mencionar que se você tomar todos os passos acima, e os fizer bem, e não chegar a lugar nenhum. Mesmo quando você faz tudo certo você ainda pode bater em uma parede de tijolos - uma empresa que não reconhece realizações ou um chefe que não é favorável.

Felizmente a maioria dos patrões e empresas não são assim, mas alguns são.

Nestes casos, seu trabalho duro não é perdido. Mas você precisa voltar ao ponto 1 e ser proativo sobre como gerenciar sua carreira.

Se você já fez tudo isso e ainda não consegue chegar a lugar algum, você tem duas opções:

  • Fique quieto e simplesmente trabalhe no seu emprego / empresa atual
  • Procure outras oportunidades em outra parte da empresa ou com outra empresa

Esta é uma decisão pessoal, claro, então o curso de ação será com você.

Eu tive que enfrentar essa decisão em várias ocasiões.

Quatro vezes diferentes em minha carreira eu tive que decidir tomar ou seguir em frente. Em todos os casos, decidi seguir em frente. Em dois desses casos eu tive que estragar tudo por DOIS ANOS (para cada um) para encontrar uma oportunidade melhor. Valeu a pena no final, porque eu encontrei empregos muito melhores a cada vez, mas eu tive que ser paciente. Você pode ter que também.

O trabalho focado na carreira que completei enquanto esperava me preparou para me apresentar em um nível ainda mais alto. Isso, por sua vez, permitiu-me começar a nova empresa com um salário muito mais alto e entregar resultados acima das expectativas nos próximos anos.

Dito isto, em 9 de 10 casos você não terá problemas. Se você aplicar as etapas acima, sua remuneração aumentará e você aproveitará mais o seu trabalho.

E seu patrimônio líquido certamente agradecerá pelos resultados.


Receba por e-mail as atualizações dos Blogs de Finanças Estrangeiros clicando nesse link


...e, se gostou do texto, compartilhe-o usando o símbolo abaixo

Comentários